Criança Livre de Trabalho Infantil

O Criança Livre de Trabalho Infantil é um projeto idealizado a partir dos debates promovidos junto ao Ministério Público do Trabalho (MPT) no Fórum Paulista de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil, na perspectiva de análise da relação entre racismo e trabalho infantil e a compreensão da educação antirracista também como uma estratégia para o seu enfrentamento.

Criado em 2016 pela organização da sociedade civil Cidade Escola Aprendiz, o projeto então chamado “Rede Peteca – Chega de Trabalho Infantil”, visando a promoção dos direitos da criança e do adolescente a partir da erradicação do trabalho infantil, acolhe no ano 2021 uma reformulação e o novo nome. Com isso, foi criada a seção de educação antirracista e o desenvolvimento dos conteúdos e ações, com apoio do MPT e do Fórum Nacional de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil (FNPETI).

O projeto dissemina o conhecimento produzido por meio de campanhas, matérias, reportagens especiais, fotojornalismo, colunas e materiais de apoio disponíveis no site e nas páginas das suas redes sociais (Facebook, Instagram, Twitter e YouTube). Assim, o Criança Livre de Trabalho Infantil busca desnaturalizar o trabalho infantil e promover a educação antirracista, articulando atores estratégicos, promovendo o engajamento da sociedade e influenciando políticas públicas (media advocacy).

Em abril deste ano, o Criança Livre de Trabalho Infantil ficou em primeiro lugar no Prêmio de Jornalismo do Judiciário, com o podcast Meninas Negras Livres do Trabalho Infantil Doméstico. Em 2022, o projeto recebeu o Selo de Direitos Humanos e Diversidade, da Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania de São Paulo.

 O projeto tem sido eficaz em pautar o debate público sobre a questão do trabalho infantil, tendo sido mencionado em mais de 20 veículos da imprensa nacional e internacional, como Folha de S. Paulo e G1, o jornal inglês The Sun

Acompanhe as notícias no site e nas redes sociais do projeto:

Site: livredetrabalhoinfantil.org.br

Facebook: @livredetrabalhoinfantil

Instagram: @livredetrabalhoinfantil

Twitter: @criancalivre

YouTube: @CriançaLivredeTrabalhoInfantil