Boletim
20 de maio de 2016

Boletim Aprendiz | 01/2016

ap

O Aluno Presente, projeto desenvolvido pelo Aprendiz que busca garantir o direito à educação básica para crianças e adolescentes na cidade do Rio de Janeiro, já identificou 15.533 crianças e adolescentes fora da escola, e conseguiu inserir 12.453 delas na escola.

Para desenvolver o Programa de Formação em Políticas Públicas e Intersetorialidade, o projeto estabeleceu uma parceria com o Fundo Newton do British Council no Brasil, com a London School of Economics e com a Action for Brazil’s Children Trust.

Além disso, o programa tem apresentado avanços na sua comunicação comunitária, por meio de parcerias com times de futebol, escolas de samba, e com empresas de transportes públicos.

saiba mais


ei

O Centro de Referências em Educação Integral atuou intensamente na formulação da Base Nacional Comum Curricular, para garantir uma perspectiva integral para o desenvolvimento das crianças e adolescentes e para educação básica brasileira.

Desde o começo deste ano, as páginas do portal do Centro de Referências já tiveram mais de 550.000 acessos, demonstrando a importância do tema da educação integral e o alcance do projeto.

Em parceria com o MAIS – Movimento de Ação e Inovação Social, o Centro de Referências deu início a três formações para professores e gestores escolares no município de Ipatinga (MG). Com o apoio do Instituto Inspirare, o Centro vem trabalhando com a Secretaria de Educação e a Prefeitura de São Miguel dos Campos (AL) para redigir e institucionalizar a Política de Educação Integral do município, e também está apoiando a adequação do Programa de Educação Integral (pALei) do Alagoas. Na Bahia, foram realizadas formações com diretores e professores articuladores de 56 escolas do Programa de Educação Integral do estado.

saiba mais

 


ce
O programa Cidades Educadoras iniciou o curso Potenciais educativos do território urbano: rumo à cidade educadora, uma formação para 30 professores da rede municipal de educação em São Paulo, realizada em parceria com a Secretaria Municipal de Educação e diversos coletivos.

Também foi lançada a publicação Centros de Educação em Direitos Humanos da Cidade de São Paulo: territórios, educação e cidadania, que reúne a sistematização dos 3 anos da experiência dos Centros de Educação em Direitos Humanos na cidade de São Paulo, desenvolvido pela pela Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania e pela Secretaria Municipal de Educação.

A partir da ideia de que a escola e o território precisam estar preparados para receber migrantes, refugiados e suas famílias, o projeto Integração família-rede sócio educativa tem trabalhado em escolas municipais dos bairros do Bom Retiro e Barra Funda, na região central de São Paulo.

saiba mais



rosarioooo

Entre os dias 1 e 4 de junho, a cidade de Rosário (Argentina) será sede do XIV Congresso Internacional de Cidades Educadoras, onde mais de vinte cidades brasileiras apresentarão experiências de Cidade Educadora que vêm sendo desenvolvidas em território nacional. Acreditamos que essa é uma oportunidade única para que organizações sociais, coletivos e prefeituras sensíveis a proposta possam estar juntas pensando e desenhando estratégias para o fortalecimento dessa agenda no Brasil.

O Aprendiz está organizando um encontro da delegação brasileira durante o evento e gostaríamos de convidar a todos para contribuir com ideias e propostas.

Preencha aqui o formulário de levantamento dos brasileiros e brasileiras que estarão em Rosário.


comunicInaugurada no ano passado, a área de Comunicação para o Desenvolvimento permanece em expansão. A nova frente do Aprendiziniciou suas atividades com a chegada da conta institucional da Fundação Telefônica Vivo (siteFacebookTwitter e Instagram), que se somou aos sites e redes sociais do Promenino Fundação Telefônica e ao projeto em parceria com a Fundação Itaú SocialGuia de Empregos

Em abril, passa a compor a gama de novos parceiros a LojaAoVivo.TV, butique da Vila Madalena com quem o Aprendiz vai desenvolver o novo projeto do VilaMundo, o Hub da Vila – formado pelo siteFacebookInstagram, um aplicativo e a Rádio Madalena!

Acompanhe nossos canais!


instiO ano de 2016 traz uma série de desafios e novos projetos para o Aprendiz, e para atender estas demandas, estamos fortalecendo nossa Área de Desenvolvimento Institucional diariamente, desenvolvendo processos e bases para um funcionamento mais dinâmico, integrado e com fluxos organizacionais mais estruturados.

À frente do Planejamento Estratégico 2016, a área foi responsável pela redefinição de objetivos e metas institucionais e sua validação por parte da equipe gestora e demais colaboradores. A apropriação do planejamento por todos garante a consecução de nossa missão, visão e valores e é de suma importância para alinhar as ações de cada projeto desenvolvido ou apoiado pelo Aprendiz.
saiba mais